Um-Porto-SeguroConfesso que quando vi a quantidade de páginas de Um Porto Seguro, quase me assustei. O tempo anda escasso e tive que ler nas madrugadas para dar conta.

O livro é tudo de bom! Mais uma bela obra de Nicholas Sparks que consegue nos envolver numa trama de suspense e mistério, embalada por uma linda história de amor que tem o toque do Destino. Além disse, Nicholas denuncia a violência doméstica que Katie/Erin sofre do marido Kevin. O abuso doméstico precisa ser denunciado e discutido na sociedade.

A história tem um elemento surpreendente que cativa a todos os leitores. Pode entrar no rol dos melhores livros de Sparks. E quando você começa a ler, não quer mais parar. Quer logo saber o que vai acontecer a Katie e Alex.

Além de explorar o romance e o ambiente familiar, já que Alex é viúvo e tem dois filhos que se afeiçoam a Katie.

A história é bem construída, bem conduzida e bastante envolvente. Super recomendo a todos. Quem já leu Sparks, vai amar. Quem nunca leu, vale a pena começar por esta linda obra do autor.

Sinopse:Quando uma mulher misteriosa chamada Katie aparece repentinamente na pequena cidade de Southport, na Carolina do Norte, questionamentos são levantados sobre seu passado. Linda, mas discreta, Katie parece evitar laços pessoais formais até uma série de eventos levá-la a duas amizades relutantes: uma com Alex, o viúvo, com um coração maravilhoso e dois filhos pequenos, a outra com sua vizinha muito franca, Jo. Apesar de ser reservada, Katie começa a baixar a guarda lentamente, criando raízes nessa comunidade solícita e tornando-se próxima demais de Alex e de sua família. No entanto, quando Katie começa a se apaixonar, ela se depara com o segredo obscuro que ainda a assombra e a amedronta: o passado que a deixou apavorada e a fez cruzar o país para chegar no paraíso de Southport. Com o apoio simpático e insistente de Jo, Katie percebe que deve escolher entre uma vida de segurança temporária e outra com recompensas mais arriscadas… e que, no momento mais sombrio, o amor é seu único refúgio.

 

Há uma adaptação para o cinema com Josh Duhamel que eu amo. Mas ainda não assisti.

 

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s