download (1)Nosso protagonista sem identificação  está sendo torturado cruelmente por um homem estranho trajando uma camisa do Black Sabbath, juntamente com dois comparsas que mais parecem estranhos sadomasoquistas. Tudo que o ele se lembra é que acordou em uma banheira cheia de água e gelo, sem um rim e que agora estava acorrentado e sendo torturado por completos estranhos.

Atrás de respostas sobre algo que nosso protagonista não consegue recordar, os capangas usam dos mais diversos métodos para fazer com que ele se lembre de tudo que realmente o trouxe até ali.

Tudo que o ele se lembra é que amanheceu, certo dia, em uma banheira cheia de água e gelo, mas o que importa aos agressores é o motivo de tudo isso, o que eles tentarão arrancar a todo custo.

images

Ele vai recordando, aos poucos, toda sua vida e  vai reconstruindo o cenário para montar o quebra-cabeça sobre seu passado.
Assim, vamos nos inteirando sobre sua vida e seu passado deprimente.
Vindo de um lar desfeito, o protagonista teve uma vida difícil, mas não miserável. Seu pai era um grande empreendedor metido também em negócios escusos como casas noturnas e prazeres sexuais.
Filho único, logo via em seu pai sua base e sua escola, tudo que precisaria aprender para continuar a vida.
Após a morte deste pai, sem forças e motivos para continuar a vida, além de sua incompetência para comandar os negócios do pai, decide de uma hora para outra, cometer suicídio. Em sua tentativa, logo é surpreendido por uma jovem moça chamada Mariana, que o impede de tirar sua vida e logo torna-se seu grande amor.
Mariana tinha hábitos sexuais estranhos e era  ligada a uma fraternidade quase religiosa, que via o sexo como uma atividade divina. Isso o levaria à perdição e à consequências que mudariam, para sempre a direção de sua vida e que, vários fatos estariam relacionados a seu passado e seu momento presente junto aos torturadores.
Minha Opinião:
Não gostei da escrita e infelizmente não consegui sentir nenhuma empatia ou mesmo simpatia pelo protagonista.
Tinha no coração todas as melhores impressões vindas da leitura da trilogia Dragões do Éter e me impressionei com a imensa diferença de escrita neste livro.
Existem muitas referencias exageradas sobre a cultura pop nos capítulos. O personagem está numa situação determinada de dor e tortura extrema e o autor vem com estas referências nos diálogos que fazem o leitor perder a linha..Sinto muito Dragon! Não foi desta vez..
Não gostei, não aconselho a leitura…
Nota: 2,5
Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s